Cerca de 100 torcedores do Fluminense se reuniram, na manhã deste sábado, na frente da sede das Laranjeiras para protestar contra o presidente Pedro Abad e o Flusócio, principal grupo político que apoia o dirigente. Faixas e cartazes como “Fora Flusócio” e “Devolvam o nosso Fluminense” foram exibidas pelos representantes de torcidas organizadas.

Segundo informações da NetFlu, quem também foi muito hostilizado foi o dirigente Marcelo Teixeira, um protesto contra o projeto Flu Europa que leva jogadores das equipes de base para atuar pelo Samorin, da Eslováquia.